Astrologia, Mapa Astral

Parabéns Programa Mulheres, parabéns TV Gazeta

TV Gazeta - Mulheres

Em 22 de setembro de 1980 – sob o último grau do Signo de Virgem – o programa Mulheres ia ao ar pela primeira vez na TV Gazeta. E continua firme e forte como uma das principais atrações da grade de programação da emissora. E mais: trata-se do programa feminino de maior permanência na tevê brasileira.

A atração é apresentada diariamente, das 15h às 18h, pela jornalista Regina Volpato e com direção de Ocimar de Castro. E a receita da longevidade parece ser fruto do trabalho árduo de uma extensa e talentosa equipe técnica além de colaboradores afinados.

Para saber se essa história de sucesso já estava escrita nas estrelas, apresentamos o Mapa Astral do Programa Mulheres. Confira:

MAPA ASTRAL PROGRAMA MULHERES (TV GAZETA)

SOL EM VIRGEM

O programa tem o Sol e Júpiter em Virgem, o que revela um compromisso claro com a qualidade do que é realizado. Ao abordar, de forma meticulosa, as pautas de comportamento, entretenimento, dicas de bem-estar, esoterismo, saúde, prestação de serviços, entre outros assuntos.

De acordo com a astrologia, esse programa de TV tem o compromisso de ser útil a quem assiste. Vale destacar também a incessante busca pela perfeição, com intuito de entregar o melhor conteúdo. A persistência virginiana também é um traço. Tanto que o programa se mantém no ar há mais de quatro décadas!

Regina Volpato - Programa MulheresASCENDENTE PEIXES

O Mulheres tem o Ascendente Peixes. “Coincidentemente”, o signo solar de Regina Volpato, atual apresentadora. Uma combinação astrológica importantíssima! Afinal, tudo o que o Mulheres representa é reforçado pela energia pisciana de Regina.

No Mapa Astral, o Ascendente revela a primeira impressão que alguém nos causa. No caso do Mulheres, isso se traduz em um programa dinâmico, de natureza adaptável, pacífica, respeitosa e que agrada a várias faixas etárias e a todos os gêneros.

E isso ocorre justamente porque se adequa, se apresenta flexível e sempre antenado às mudanças. Em 1980, o programa estreou com o nome de Mulheres em Desfile. Adotando Mulheres posteriormente. Prova de adaptabilidade.

O Ascendente em Peixes também pode ser o responsável pela multiplicidade de personalidades que já desfilaram pela telinha. Tanto que, desde sua estreia, o Mulheres já recebeu uma série de apresentadores, com personalidades bem diferentes entre si.

Estreou sob comando de Ângela Rodrigues Alves e Ione Borges, que posteriormente contou com Claudete Troiano, seguida de Márcia Goldschmidt, Leão Lobo, Christina Rocha, Clodovil Hernandez e Catia Fonseca. Além de receber apresentadoras eventuais ou de quadros, como Regiane Tápias e Pâmela Domingues (que segue nos dias atuais).

LUA EM PEIXES

Os temas místicos, esotéricos e espirituais sempre estão presentes. Não por coincidência, todos esses assuntos são regidos pela Lua em Peixes. O Mulheres também se engaja em campanhas de utilidade pública. Algo totalmente afinado à perspectiva pisciana.

O mapa astral tem o elemento água em destaque. Resultado: uma matéria ou entrevista pode fazer o público de casa ir do riso às lágrimas em segundos. Pura emoção.

SOL ENTRE AS CASAS 7 E 8

O Sol entre a Sétima e Oitava Casas Astrológicas representa o total compromisso com o outro, com as parcerias, com o social. Mas isso tudo mantendo o foco na transformação.

Assim, é possível supor que os profissionais envolvidos na escolha das atrações costumam ser muito criteriosos quanto a quem participa dos quadros. E procuram sempre elevar o nível do que é apresentado.

O público está no centro, no foco. E todo o esforço e empenho da equipe é no intuito de que tudo chegue perfeitamente claro para o espectador. E existe também uma clara vontade de transformação, ao trazer soluções para a vida de quem está em casa. Meu Astro deseja vida longa e Parabéns ao Programa Mulheres!

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *